sábado, 13 de outubro de 2012

Não ao Halloween!!


O Halloween, a festa das bruxas, já invadiu o nosso país. Nas lojas em geral, há tudo para comemoração desta festa: Quadro de Caveira com som a pilha; Abajur de Abóbora; Fantasminha na Abóbora; Aranha; Bonecos  Musicais; Caveira Treme-Treme; Crânio Treme-Treme; Máscara de Látex tipo bruxa; Vampiro e Caveira; Dedos e Braço de Látex; Decoração de Bruxa com luz; Guirlanda para enfeites; toalha de Mesa e Decoração de papel com motivos de bruxaria; Fantasias; etc.
Nas ruas, as crianças fantasiadas são vistas em toda parte. Muitos aniversários, nesta ocasião tem como motivo este tema.
Nas escolas, e até escolas de confissão evangélica, as crianças e os adolescentes são levados a fazer pesquisas sobre o assunto, a título de conhecimento folclórico, ou, então como pretexto pedagógicos.
Bruxaria não é pedagogia: Se nas escolas de sua cidade os professores solicitarem trabalhos e programações com o tema Halloween, que tal explicar o verdadeiro sentido desta festa?
No dia 31 de outubro, quando em toda parte as pessoas vão falar de bruxas e de feitiçarias e de superstição, coisas estas que Deus condena e abomina, que tal a gente falar a verdade e mostrar o erro, e dizer Não ao Halloween? Que tal fazer um outro tipo de festa? Sabe o que podemos comemorar no dia 31 de outubro? O Dia da Reforma Protestante!
Há muitos anos as pessoas viviam presas no engano da religião. A Igreja Católica Romana vendia indulgência. As pessoas conseguiam o perdão por meio de pagamento em dinheiro. A Bíblia era proibida de ser lida pelo povo. A ignorância espiritual era absoluta. Deus levantou um homem, chamado Martinho Lutero, que protestou contra tudo isto, mesmo com o risco e perder a sua própria vida. 
Foi no dia 31 de outubro que Martinho Lutero expôs seus pensamentos , rompeu com a religião romana e provocou uma mundana extraordinária. Depois dele, a Bíblia foi colocada na mão de todos. Cada um pode chegar à presença de Deus sem a necessidade de um sacerdote. O que vale é o que está escrito na Palavra de Deus. O que importa agora, não é o que a igreja diz, mas o que Deus diz.
Se há algo que precisamos resgatar é o de ser protestante. PROTESTAR CONTRA O ERRO, CONTRA A IGNORÂNCIA , CONTRA A SUPERSTIÇÃO, CONTRA A MENTIRA, CONTRA O PECADO. 
Dia do Halloween. Vamos PROTESTAR CONTRA O HALLOWEEN!
Vamos avisar a todos os nossos amigos que comemorar o dia do Halloween não está com nada e desagrada a Deus. O Halloween é uma abominação diante de Deus!
Vamos avisar a todos os nossos amigos que ha uma festa no céu quando um pecador se arrepende de seus pecados e confia em Jesus. 
DIGA NÃO AO HALLOWEEN! 
E sim ao que agrada a Deus!

Sugiro a História Não ao Halloween, da APEC, para que os líderes de Ministério Infantil façam uma programação especial e diferente para as crianças da Igreja. Ela é prática e objetiva. 


2 comentários:

Lu cottier disse...

Muito bom esse encinamento, que pena as pessoas en geral não querem perde tempo nos encinamento do Senhor...

Marcelo Firpo disse...

Vsf todos vcs assim como os judeus n criticam o natal vcs tmb devem parar com essa viadagem o halloween é foda porra